Somos o que comemos

O Dr. Hiromi Shinya, médico de nacionalidade japonesa, é célebre pelos progressos feitos no campo da cirurgia colonoscópica.
É o médico que, há 35 anos, obteve, pela primeira vez, sucesso na cirurgia de remoção de pólipo intestinal usando apenas endoscópio, sem necessidade de cirurgia abdominal
É médico dos membros da família real e de altos funcionários do governo japonês. Dirige a Unidade de Endoscopia Cirúrgica do prestigiado Centro Médico Beth Israel, em Nova Iorque, é professor de Cirurgia Clínica da Faculdade de Medicina Albert Einstein, na mesma cidade, e é orador em numerosas conferências internacionais. Com 80 anos, depois de quatro décadas de experiência, continua a exercer actividade clínica, tanto nos Estados Unidos da América como no Japão.

Assista ao vídeo e entenda que somos o que comemos.

Dr. Shinya afirma que o intestino de uma pessoa saudável é limpo

Quando ingerimos algum alimento que não está em harmonia com a natureza, o organismo tende a expeli-lo, porém, quando esse tipo de ingestão é feita em grande quantidade, o corpo não consegue expelir e essas substâncias se acumulam no organismo. Quando a quantidade de substâncias acumuladas ultrapassa determinado limite ocorrem às disfunções que dão origem às doenças.

Comentários encerrados.